Assessoria de imprensa

AlphaGraphics cresce 20% no Brasil e prepara abertura de novas franquias em três Estados

03/10/2007

Operações brasileiras garantem premiações, entre elas, o reconhecimento ao empreendedorismo de Antônio Carlos Barreto, diretor das unidades Berrini e CENU, pelo investimento na primeira AlphaGraphics Digital do mundo e a presença da Unidade Faria Lima entre as dez maiores franqueadas de toda a rede internacional

 

O Brasil acaba de reafirmar sua importância dentro da rede internacional da AlphaGraphics - líder mundial no segmento de impressão digital. Atrás apenas do Reino Unido e dos Estados Unidos, entre julho de 2006 e junho de 2007, as operações nacionais registraram um crescimento de 20%, totalizando um faturamento de, aproximadamente, US$ 16 milhões. De acordo com o balanço internacional, no mesmo período, a rede mundial da AlphaGraphics aumentou suas vendas em 8%, atingindo a marca de cerca de US$ 350 milhões. Além dos resultados positivos apresentados, por suas inovações no setor, o Brasil também foi destaque na convenção internacional da rede, realizada em Las Vegas.

Entre os diversos prêmios conquistados, a Unidade Faria Lima figura entre as dez maiores franqueadas da AlphaGraphics de todo o mundo. Vale lembrar que a rede é composta por mais de 250 unidades de negócios localizadas em 12 países - Estados Unidos, Brasil, Reino Unido (Inglaterra, Escócia, Irlanda e Irlanda da Norte), México, China, Rússia, Arábia Saudita, Chipre e Hong Kong. O empreendedorismo de Antônio Carlos Barreto, diretor das unidades Berrini e CENU, também foi reverenciado publicamente durante a convenção em Las Vegas. O executivo é o responsável pela primeira unidade AlphaGraphics Digital do mundo, a CENU, inaugurada em janeiro de 2006. Do Brasil para o exterior, este modelo vem sendo adotado por franqueados internacionais.

Fundada em 1970 nos Estados Unidos, na cidade de Tucson, no Arizona, a AlphaGraphics está no Brasil há 17 anos, contando com duas unidades no Rio de Janeiro e cinco em São Paulo - entre elas, as premiadas Faria Lima e CENU. A partir deste semestre, as operações nacionais serão expandidas com a abertura de quatro novas franquias - todas, digitais. O crescimento da rede brasileira levará a AlphaGraphics para as cidades de São José dos Campos (SP), Ribeirão Preto (SP), Brasília (DF) e Vitória (ES). "Nossos serviços e soluções chegarão em importantes regiões, indo além do eixo Rio-São Paulo. Em breve, nossa expansão poderá alcançar outros Estados brasileiros", adianta Rodrigo Abreu, diretor de desenvolvimento de negócios da AlphaGraphics no Brasil.

A abertura de novas unidades é analisada pela Máster e demais franqueados. "Não basta ter o capital necessário para abrir uma AlphaGraphics. Por aqui, cada candidato passa por uma seleção envolvendo toda a rede brasileira e o local que abrigará o futuro empreendimento é avaliado cuidadosamente", revela o executivo.  Oferecendo uma completa gama de soluções para comunicações, tanto impressa quanto digital, a AlphaGraphics é a única rede de franquias em serviços de impressão no mundo que possui certificação ISO 9000 em todas as unidades. Para integrar a rede, os potenciais parceiros não precisam, necessariamente, de experiência prévia no setor. O investimento mínimo necessário para ser um fraqueado AlphaGraphics é de US$ 370 mil, sendo que US$ 61 mil são utilizados para capital de giro.

Brasil: exemplo de empreendedorismo

Em janeiro de 2006, Antônio Carlos Barreto inaugurou sua unidade CENU, a primeira AlphaGraphics Digital do mundo. De acordo com o diretor, a pioneira aposta neste modelo foi feita principalmente em função da menor necessidade de investimento inicial, além de ir de encontro à demanda crescente por serviços de impressão digital. Dono também da unidade Berrini, aberta anteriormente de acordo com os padrões pré-digital, Barreto explica que a diferença básica entre os dois formatos de franquia é que a digital passa a oferecer a solução mais rápida de impressão de trabalhos, aliando alta qualidade a um ótimo atendimento. Também como forma de agilizar os serviços, boa parte dos pedidos é feita por meio da internet, muitas vezes em sites elaborados pela própria AlphaGraphics, como o AG Online, para atendimento exclusivo de clientes preferenciais.
 
Os equipamentos da consagrada CENU são, principalmente, impressoras digitais coloridas e P/B de alta performance e qualidade, além de plotter para impressão de maiores formatos. "Com este modelo, atendemos tranquilamente à demanda de trabalhos em pequenas e médias quantidades. A possibilidade de uso de dados e imagens variáveis nos impressos também vem sendo percebida como um importante diferencial pelos Departamentos de Marketing das empresas na comunicação com os seus próprios clientes", diz Barreto. Vale ressaltar que o investimento feito na AlphaGraphics CENU foi naturalmente menor que aquele em outras unidades do modelo tradicional (full), por não contemplar o investimento em off-set (pré-impressão e impressão) e, consequentemente, também demandar um espaço menor de operação. De acordo com o empreendedor, o tempo de retorno do investimento tem sido menor do que aquele que se esperava.

Notícias relacionadas

Notícias relacionadas

 
  • AlphaGraphics é eleita a melhor franquia na categoria Serviços Gerais do Prêmio As Melhores Franquias do Brasil 2007 - 27.06.07
BANSEN - ©2016
Bansen Phone
Address: rua dr. tirso martins, 100 cjto 304 - 04120-050 - vila mariana - SP/SP.
Site Design by Marília Schumann